top of page

Dicas para fotografar paisagens


Quem não gosta de contemplar uma vista com belezas naturais e ter uma sensação de relaxamento instantânea? Ou até uma visão de um centro urbano cheia de prédios e pessoas apressadas?


1 – Escolha da lente

A lente mais indicada para fotografar paisagens é conhecida como grande angular. Ela garante uma amplitude do enquadramento e também a nitidez da imagem completa. Caso não possua uma, crie fotos panorâmicas.

Entretanto, se o seu objetivo é capturar pontos que estão a uma longa distância, a lente teleobjetiva é mais recomendada.


2 – Equilíbrio visual

Use o enquadramento para guiar o olhar do seu público para o que você acha mais importante, lembre-se de que ele não tem a mesma noção espacial que você.

Para fazer isso, utilize a Regra dos Terços: imagine um jogo do galo sobre o seu recorte, os pontos de encontro entre as linhas são os locais onde o olhar do observador vai cair mais rapidamente. Por isso, evite deixar aquilo que você considera o principal exatamente no meio da foto.

Algumas câmaras já têm a opção de apresentar as linhas da Regra dos Terços, facilitando o enquadramento do que pretende retratar na foto.


3 – Profundidade

A profundidade de campo é o conceito que define o que será focado na sua imagem. Para fazer isso com o máximo de nitidez, basta reduzir a abertura do diafragma, que determina a quantidade de de luz que entrará no sensor.

Decida sobre o que capturar no momento. Se a paisagem se mover (uma queda de agua, o mar, um veículo, por exemplo), utilize a velocidade do obturador mais lenta, dando a sensação de movimento. Se a intenção for registar algo parado, utilize a velocidade do obturador mais rápida. Lembrando que a velocidade do obturador é o período de tempo que o sensor “vê” a cena que quer capturar.


17 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page