top of page

6 alimentos que protegem a saúde do intestino




A microbiota intestinal desempenha um papel fundamental na saúde, influenciando a digestão dos alimentos, o funcionamento do sistema imunológico e até o humor.

Para promover a saúde do intestino e manter a microbiota equilibrada, é importante seguir uma dieta diversificada. O que come nutre o seu corpo, mas também serve de alimento para triliões de microrganismos que habitam no intestino.

Pesquisas recentes confirmam o contributo de uma boa alimentação para a saúde intestinal. Além disso, apontam o dedo aos alimentos ricos em gordura e açúcar, que podem desequilibrar a microbiota intestinal, contribuindo para o desenvolvimento de doenças como a diabetes tipo 2, a obesidade e as doenças intestinais inflamatórias.

Por outro lado, tem sido estudada também a influência de uma dieta rica em prebióticos, probióticos e alimentos fermentados, que são conhecidos por auxiliarem a saúde intestinal, promovendo o equilíbrio e o bem-estar.


Descubra alguns dos alimentos que podem contribuir para manter a saúde do seu intestino.


1. Vegetais

Aposte no consumo de alho-francês, cebolas, espargos, brócolos ou espinafres. Estes vegetais são ricos em prebióticos, que são fontes de alimento para as bactérias "boas" que vivem no intestino.


2. Iogurte e kefir

O iogurte (de preferência, sem açúcar) e o leite kefir são bons exemplos de alimentos fermentados que contêm probióticos. Graças às suas bactérias, permitem fazer uma melhor digestão da lactose e o seu consumo associa-se a um estilo de vida mais saudável.


3. Leguminosas

Os prebióticos presentes nos feijões, lentilhas e grão-de-bico podem contribuir para que os movimentos intestinais ocorram de forma normal, por exemplo, reduzindo a obstipação e a diarreia e melhorando os sintomas da síndrome do intestino irritável.


4. Kombucha e kimchi

A kombucha e o kimchi (couve fermentada) são ótimas fontes de probióticos que promovem a diversidade bacteriana no intestino, protegendo a saúde intestinal e equilibrando o sistema imunitário.


5. Frutos secos

As nozes e as amêndoas, por exemplo, fornecem uma variedade de nutrientes e fibras que auxiliam na saúde intestinal. Além disso, os metabólitos produzidos durante a fermentação dos prebióticos pelas bactérias intestinais, conhecidos por ácidos gordos de cadeia curta, podem ajudar a regular o apetite.


6. Pickles

Os probióticos presentes nos alimentos fermentados como os pickles podem aliviar alguns sintomas intestinais como a diarreia, a obstipação e o inchaço, mas também equilibrar a microbiota intestinal após a toma de antibióticos.


14 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page